logos_site_2.png

Quem não tem casa não tem culpa!

Assembleia Nacional contra os despejos e pelo direito a uma casa digna!

Norte - dia 9 de Julho na Praça D.João I, Porto às 17h30 
Sul - 6 de Julho na Avenida Barbosa du Bocage 5, Lisboa, às 11h00

TEMOS DIREITO À HABITAÇÃO! Lutamos contra os abusos de poder do Estado, contra a não utilização das casas públicas para dar resposta às famílias que mais precisam e contra a falta de políticas que combatam os verdadeiros problemas do país!

 

O Direito Constitucional à Habitação é-nos negado e todos os dias novas famílias são despejadas das suas casas! Perguntamos: de que serviu conquistar a democracia se ao invés de nos garantirem uma casa decente, despejam-nos das miseráveis casas em que vivemos? Que democracia é esta que atira crianças para a rua sem uma solução digna? Dizem que vivemos num Estado de Direito, mas à nossa classe não são garantidos nenhuns direitos!

 

Vemos milhares de casas vazias em todos os bairros pelo país, casas cada vez mais degradadas, pelas quais o Estado nunca se interessou! Vemos famílias a viver em sobrelotação, com filhos a dormir na cama dos pais e a usar salas como quartos, enquanto que a casa ao lado, e muitas outras nas cidades, estão vazias há décadas! 

 

Como podem punir os que, face à impossibilidade de alugar uma casa com os preços especulativos que vemos, se vêem forçados a ocupar uma casa e a viver no medo constante de ser postos na rua? Dizemos: Quem ocupa não tem culpa!

 

Pedimos ajuda às câmaras, mas só nos dizem que somos oportunistas, que há regras a cumprir e chamam a polícia para nos expulsar! Que justificação é esta quando são eles os primeiros a não cumprir a lei? 

 

Prometem que constroem muitas casas novas, que vão resolver os problemas de habitação de todas as pessoas, mas não vemos nem uma obra a avançar! Para onde vai o dinheiro?

Todos os anos vemos programas novos que muito prometem: A renda acessível, que de acessível não tem nada, Apoio às rendas, construção de mais casas públicas! Mas a realidade é diferente! São cada vez mais jovens sem conseguir arranjar uma casa, cada vez mais famílias obrigadas a escolher entre comer e pagar a renda, cada vez mais pessoas a ficarem em situação de sem-abrigo! Chegamos a um ponto em que já não basta trabalhar para viver e pagar as despesas. São salários de 500€ com rendas de 600€. Na realidade só vemos políticas de incentivo à especulação e de incentivo a quem não precisa!

 

Temos de nos unir e organizar a nossa luta! Só a nossa organização colectiva pode ajudar a mudar a nossa condição actual!

 

Por este motivo convocamos todas as pessoas vítimas de abuso dos senhorios, todas as vítimas da especulação imobiliária, todas as pessoas que se viram obrigadas a ocupar casas, todos os moradores dos bairros camarários sem condições, moradores dos bairros do IHRU, dos bairros precários, das ilhas e dos dos pátios.

 Juntem-se a nós para uma Assembleia onde vamos poder expor os nossos problemas e a forma como somos tratados nesta sociedade que só pensa nos lucros e nunca nos nossos direitos!

 

Construiremos as nossas reivindicações para as fazermos chegar ao poder público!

Vamos construir a luta pelo direito a uma casa digna para todas as famílias! 

 

Junta-te a nós! Vamos construir a luta colectiva!

Sul - Dia 6 de Julho às 11:00 horas na Avenida Barbosa du Bocage 5, em Lisboa.

Norte - Dia 9 de Julho às 17:30 horas na Praça D.João I, no Porto.

site.png
HABITA.png
logos_site_2.png
BOTÃO-STOP-DESPEJOS.png